Resenha do livro / A Vingança Veste Prada / Lauren Weisberger

em 06 outubro 2015

Oi gente, eu sempre acho que não estou apta a fazer resenhas de livros, não me pergunte o porque, ás vezes acho que não consigo passar concretamente o que penso do desfecho da história e as palavras ficam perdidas na minha mente, eu não consigo organizá-las e ter um raciocínio lógico rs mas parábolas a parte...Hoje quero contar um pouquinho sobre o livro "A vingança veste Prada" continuação do "O diabo veste Prada" que eu não li, só vi o filme que diga-se de passagem adoro.


"Depois de abandonar o emprego na Runaway há quase dez anos e se livrar da insuportável Miranda Priestly, Andrea Sachs agora é a bem-sucedida editora de uma revista de luxo sobre casamentos, a Plunge. Ao lado de Emily, antiga colega de trabalho e sua atual melhor amiga, sua vida não poderia estar melhor: além do sucesso do novo empreendimento, ela está prestes a se casar com um dos solteiros mais cobiçados de Nova York, mas uma semana antes do casamento, um fantasma do passado, um diabo, volta a assombrá-la."
________________________________________________________________________________________________

Pois bem, a Andrea tem como sua melhor amiga a Emily...quem diria rs Elas trabalham juntas, se divertem juntas, são realmente um grude e através dela que Andy conhece o seu futuro marido.
Diante de tantas situações embaraçosas e conflitantes, é notável o amadurecimento da Andrea, o relacionamento com Max era perfeito até algo estranho acontecer no dia do casamento, a deixando super insegura e logo em seguida ela descobre que está grávida.

O ponto alto do livro pra mim é o fato de ela ter reencontrado o Alex, sempre pensei que eles deveriam terminar juntos enfim...embora a participação dele no livro tenha sido bem pequena.

Lá pela página 200 e pouquinho o livro perde um pouco o contexto, conta umas historinhas nada a ver e me fez desinteressar bastante da leitura.

Achei que Miranda poderia ter sido bem mais explorada na história, o que não aconteceu..ela quase não fez maldades, o que esperei que fosse acontecer, devido ao título do livro.

Embora tenha gostado do desfecho da história,  sou muito mais fã do final do primeiro. Se não fosse pelo blá blá blá no meio do livro, eu até recomendaria. 

É isso, espero que eu tenha conseguido passar bem resumidamente o que achei do livro, mesmo não sendo minha especialidade. Desculpa aê qualquer coisa. 

Beijos até o próximo








Nenhum comentário:

Postar um comentário



Topo